Morre aos 80 anos, artista plástico e curador amazonense Óscar Ramos

Na manhã desta quinta-feira (13), o artista plástico e curador do Paço da Liberdade, Óscar Ramos, morreu aos 80 anos após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC), em Manaus. Amazonense de Itacoatiara, Óscar estava internado desde o dia 5 de Junho, no Hospital Beneficente Portuguesa e, conforme Boletim Médico emitido na manhã de quarta-feira (12), seu estado de saúde era estável.

A informação foi confirmada por um dos amigos mais próximos do artista, Sérgio Cardoso. “Estou chocado, triste, em silêncio. A gente diz ok para morte, mas a gente não diz ok a ausência. Ele deu uma grande contribuiçao ao cinema brasileir, as artes. Saudade inestimásvel”.

Rosa dos Anjos, também amiga do artista lamentou logo cedo a partida do curador. “Mais um artista se foi. Um dia triste para as artes no Amazonas e no Brasil”, disse.

Segundo informações preliminares, o velório será realizado no Centro Cultural Palácio Rio Negro, local de onde foi o primeiro diretor.

Reconhecidamente um dos maiores nomes da arte contemporânea do Brasil, nascido no Amazonas, Óscar Ramos possui uma longa trajetória, composta por mais de 60 anos de produção, marcada pelo experimentalismo de apelo universal e, atualmente, desenvolve projetos de curadoria no Museu da Cidade de Manaus, no Paço da Liberdade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s