Cinco mortes são registradas em Manaus na noite de réveillon

A capital amazonense registrou desde o início da noite do réveillon, nesta terça-feira (31), cinco mortes em quase todas as zonas da cidade. De acordo com o Instituto Médico Legal (IML), as mortes foram causadas por arma de fogo e arma branca. 

Os casos tiverem início por volta das 19h no bairro Tancredo Neves, na Zona Norte de Manaus. O último registro foi às 6h desta quarta-feira (1º) no bairro da Compensa, na Zona Oeste, onde um jovem de 19 anos foi assassinado com sete tiros de arma de fogo. Confira os casos: Por volta das 19h, na Rua Paraíso, Tancredo Neves, Zona Norte, dois homens de 24 e 21 anos morreram após uma troca de tiros com policias da Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam). Segundo a polícia, a equipe foi recebida no local a tiros pela dupla. Os rapazes foram encaminhados para atendimento médico no Hospital e Pronto-Socorro (HPS) João Lúcio Machado, mas não resistiram aos ferimentos;

Ainda na Zona Norte, no bairro Cidade Nova, na Rua Pascoal, por volta das 20h50, um ajudante de eletricista de 21 anos morreu na porta de casa. De acordo com a polícia, a vítima estava com colegas na frente da casa quando um veículo desceu a ladeira e os suspeitos atiraram no local. Além da vítima que morreu, um jovem de 22 anos ficou baleado e foi encaminhado para o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Danilo Correa. Não há informações sobre o estado de saúde do outro rapaz;

Na Zona Leste, na Rua Bernardo Cabral, bairro Tancredo Neves, um homem ainda não identificado foi morto com três facadas e uma paulada na cabeça por volta das 6h. Segundo o plantonista da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Guilherme Antoniazzi, o rapaz era morador do local e tinha sido visto pela última vez em uma confraternização com um grupo de pessoas. A vítima teria se envolvido em uma briga e foi morto. A polícia foi até o quitinete que o rapaz morava, mas nenhum familiar foi encontrado.

O último caso também foi por volta das 6h na Rua Santa Isabel com o beco Brasil Compensa I, na Zona Oeste da capital. Um jovem de 19 anos foi assassinado com sete tiros. Conforme a DEHS, a vítima consumia bebida alcoólica com um grupo de amigos na frente do beco onde morava, quando um homem encapuzado chegou ao local e atirou contra o rapaz. Ele foi levado para o SPA Joventina Dias, mas não resistiu aos ferimentos.

Todos os crimes devem ser investigados pela Delegacia Especializada em homicídios e Sequestros (DEHS) para identificação da autoria e motivação dos casos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s